quarta-feira, 7 de outubro de 2009

JN
Gente


No altar dos "génios" mundiais


PEDRO ANTUNES PEREIRA

Este aluno de Vieira do Minho foi o único português, entre 29 mil candidatos de todo o mundo, escolhido para integrar um projecto pioneiro. E até foi elogiado pelo jornal "Finantial Times".

foto Direitos Reservados
No altar dos "génios" mundiais
Nuno Martins sempre foi um aluno brilhante

Entre 12 mil candidatos dos quatro cantos do Mundo, Nuno Martins, de 29 anos, foi o único português, até ao momento, a ingressar na Singularity University (SU). Trata-se de uma instituição universitária com um modelo único e inovador a nível mundial.

Natural de Vieira do Minho, Nuno Martins desde cedo manifestou um potencial nato no que respeita aos estudos, tendo-se revelado sempre um aluno brilhante, com um vasto leque de interesses e aptidões. Após ter terminado o Ensino Secundário com uma média final de 18 valores, viria a ingressar, em 2001, na Universidade do Minho, onde se licenciou em Matemática e onde está actualmente a finalizar o doutoramento em Nanomedicina e NanoRobótica Médica.

A 29 de Junho, ingressou na Singularity University, uma instituição multidisciplinar que, no seu primeiro ano de funcionamento, juntou 40 "génios" especialistas de diversas áreas científicas com um objectivo comum: melhorar a vida de mil milhões de pessoas. Soube do projecto através de uma newsletter e partiu para a aventura: "Acho que é da responsabilidade de todos nós tentarmos resolver os grandes problemas da humanidade". Os pré-requisitos para entrar na SU definem a personalidade de Nuno. Para além de dominar diversas línguas, o jovem investigador demonstra vontade de aprender e alargar horizontes.

Enviar um comentário