quarta-feira, 8 de julho de 2009

Jornal de Notícias- Tecnologia

Rede de universidades a três dimensões

Feira virtual permite, através de uma plataforma tridimensional, conhecer cursos, notas de acesso e outros serviços de mais de 100 instituições de ensino superior portuguesas.

O Orienta permite aos alunos que queiram candidatar-se ao ensino superior conhecer e aceder numa plataforma tridimensional a uma feira virtual de orientação universitária, que inclui as ofertas de cada universidade, pedir informações ou até fazer um teste vocacional.

"É um avanço bastante considerável no acesso ao ensino superior, em Internet a 3D, para que pais e filhos, sem saírem de casa, desde que ligados à rede, possam facilmente saber quais as valências das universidades e saber mais sobre os cursos onde pretendem colocar os seus filhos", disse à Lusa Pedro Monteiro, director-geral do Universia Portugal, rede criada para apoiar as universidades, e responsável pelo projecto.

Quem acede à página tem à sua disposição uma cidade universitária virtual tridimensional, composta por edifícios que representam quatro grandes áreas.

Através de um clique, os edifícios virtuais permitem aceder a informação sobre "Candidaturas/Provas de Ingresso", chegar a uma "Área de Universidades" e conhecer ofertas da "Vida Universitária", além de consultar um stand do Universia.

"Estas são as quatro grandes áreas em que se divide a plataforma, com destaque para o edifício central, que é a área das universidades, que permite entrar depois em cada uma das universidades para saberem a informação que têm", explica Pedro Monteiro.

Nesta área são as próprias universidades que, através de login e password, carregam a informação e os conteúdos que mais lhes interessa divulgar junto dos candidatos.

É possível ao visitante virtual passar por um auditório multimédia, "que mostra os principais vídeos ou mensagens gravadas das universidades, na parte que diz respeito a colóquios ou discursos do reitor ou comunicados da própria universidade, por exemplo", exemplifica o responsável pelo projecto.

"Quando o aluno escolhe determinado curso, dentro do edifício das universidades, pode descobrir quais as notas de acesso", realça.

O edifício do campus tem informações sobre a existência ou não de residências, quais as valências físicas disponíveis em cada universidade e uma sala de orientação para os pais, que inclui um guia de acesso.

"Para os alunos que têm dúvidas, temos um teste de orientação através de um pivô virtual que vai colocando questões para definir o perfil do candidato e descobrir a área que coincide com esse perfil", destaca ainda. Os resultados deste teste de orientação virtual permitirão chegar a sugestões de cursos específicos e depois saber quais as suas características.

Outro dos edifícios contém respostas às perguntas mais frequentes e conselhos práticos relacionados com mudanças de curso, alojamento, empréstimos para estudantes do ensino superior, serviços de refeição e culturais, entre outros.

A plataforma está sempre a ser actualizada pelas próprias universidades e está acessível durante o ano inteiro.

Enviar um comentário